Mariana Prado e Maria Cemedo foram pegas com o celular e a faca usada para ameaçar a jovem – Foto: Nonato Sousa

Duas venezuelanas, de 19 e 20 anos, foram presas em flagrante na noite desta quinta-feira (17), depois de roubarem o celular de uma jovem na saída do Hospital da Criança, no bairro 13 de Setembro. A vítima estava com a filha de um ano no colo, quando foi atacada pelas imigrantes.

Ao Roraima em Tempo, a vítima, de 19 anos que teve o nome preservado, contou que momentos antes do assalto viu as duas suspeitas sentadas do outro lado da avenida e enquanto caminhava, ouviu elas lhe chamarem, porém não deu atenção e seguiu andando.

Pouco tempo depois, as duas mulheres correram ao seu encontro. Uma delas encostou uma faca na sua cintura e a outra abriu a bolsinha da criança e tirou o celular. Em seguida, as duas criminosas fugiram correndo.

Uma equipe de policiais militares da Companhia Independente de Policiamento de Guarda (CIPG), passava pelo local quando a vítima os acionou e contou do roubo. Os policiais foram em busca das suspeitas e minutos depois, capturou a dupla com o celular da vítima e a faca utilizada no assalto.

Mariana de Los Angeles Gonzalez Prado e Maria Isabel Rausseo Cemedo, foram conduzidas ao Plantão da Polícia Civil. Após receber o relatório da equipe policial e ouvir todos os envolvidos, o delegado Marcus Albano formalizou a prisão das imigrantes em flagrante por roubo qualificado.

Ao final do procedimento policial, as duas foram levadas para a carceragem da PC onde passaram o resto da noite e na manhã desta sexta-feira (18), serão levadas para audiência de custódia.

O celular da vítima foi restituído após a conclusão do flagrante.

Informações: Roraima em Tempo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here