Suspeito, de 33 anos, foi preso no Cantá, interior do estado. Vítima foi morta com facada nas costas por desavença com suspeito (Foto: Polinter)

A Polícia Interestadual (Polinter) prendeu nessa quarta-feira (6) no Cantá o foragido da Justiça Carlos Eduardo Cavalcante de Santana, de 33 anos. Ele é acusado do assassinato de um adolescente de 15 anos durante um comício no ano de 2004, em Boa Vista, e estava foragido desde 2013.

De acordo com a Polinter, à época do crime, o foragido que é conhecido como Carlinhos e Cavalo integrava um grupo criminoso, também conhecido por Galera, e durante um comício realizado no bairro Pintolândia II na noite do dia 03/09/2004 assassinou Dhiemerson Alves, até então com 15 anos de idade, com uma facada nas costas.

Conforme as investigações, ele foi motivado por desavenças anteriores com o adolescente bem como pelo fato de a vítima morar em bairro diferente e estar frequentando o do condenado por ocasião daquele evento.

Ainda conforme a polícia, durante o processo, ele chegou a chegou a ser citado pessoalmente ainda em 2013, mas mudou de endereço e não compareceu mais perante a Justiça, passando a ser considerado foragido. Em 2016, ele foi condenado pelo juízo da 2ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Vista à pena definitiva de 17 anos de reclusão em regime inicialmente fechado.

Após várias diligências, os investigadores da Polinter conseguiram identificar o local onde o foragido estava morando e trabalhando como braçal, e conseguiu prendê-lo em um sítio na Vicinal 14, Km 10, no Projeto de Assentamento Caferana, região da Vila Félix Pinto, zona rural do Cantá.

Trazido à capital, ele foi submetido a exame de integridade física no Instituto Médico Legal (IML) e posteriormente foi recolhido na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (PAMC).

Informações: G1 Roraima

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here