A decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, que determinou nesta quarta-feira (19) a soltura de todos os presos que estão detidos em razão de condenações após a segunda instância da Justiça pode beneficiar tanto o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como o ex-governador Neudo Campos.

Apesar de a determinação ser para soltura imediata, a liberação dos presos depende dos pedidos dos advogados aos juízes responsáveis pelas penas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here