O corpo da jovem foi achado em terreno baldio na Rua Alferes Paulo Saldanha

O laudo preliminar do Instituto Médico Legal (IML) apontou que a estudante Caroline dos Santos Oliveira, de 18 anos, morreu vítima de asfixia mecânica. Ela foi achada morta em um terreno baldio em Boa Vista na manhã deste sábado (8).

Com base no laudo a suspeita é que a estudante tenha morrido antes das 2h da manhã. O laudo não indicou violência sexual. O corpo foi encontrado em um terreno baldio na rua Alferes Paulo Saldanha, no bairro São Francisco, zona Leste da capital, no início desta manhã.

Segundo familiares da vítima, a jovem sumiu na noite de sexta-feira (7) depois que saiu da escola. Ela estudava no período noturno na escola estadual Monteiro Lobato, no Centro da capital.

De acordo com parentes, ela teria saído da aula e sido vista pela última vez por volta das 20h30.

Conforme a Polícia Militar, a jovem tinha um cinto enrolado no pescoço, estava com as calças abaixadas e vestia um short jeans por baixo.

Materiais escolares e preservativos foram encontrados perto do corpo. A polícia acredita que a jovem foi agredida com uma pancada na cabeça. Ela tinha um afundamento na face.

Ainda segundo a polícia, não se sabe se a vítima estava passando pelo local e foi levada à força ao terreno, ou se havia combinado de ir lá. O endereço fica entre a casa da mãe, com quem morava, e a da avó, onde ia constantemente.

Testemunhas relataram à Polícia Militar ter ouvido barulhos vindo do terreno baldio por volta das 4h. O local é conhecido por ser frequentado por usuários de drogas. O crime deve ser investigado pela Delegacia Geral de Homicídios (DGH).

Informações: G1 Roraima

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here