Food Trucks oferecem diversidade no cardápio do Boa Vista Junina 2017

Comida de rua, além de gostosa, precisa ser rápida e acessível. Este ano os Food Trucks estão fazendo sucesso no Boa Vista Junina. Uma estrutura apropriada com espaço para trailers (furgões ou caminhonetes adaptadas) de sanduíches artesanais está localizada ao lado da área infantil, facilitando a vida dos pais que podem cuidar dos seus filhos enquanto saboreiam deliciosos lanches.

 
O Food Truck se popularizou no Brasil em 2013 e consiste em uma cozinha móvel, de dimensões pequenas e sobre rodas, que transporta e vende alimentos de forma itinerante. No Boa Vista Junina, estes trailers tem feito a alegria de quem gosta não só de um bom hambúrguer, mas também de sobremesas como sorvetes artesanais, outra tendência que chegou para ficar.
 

Food Trucks oferecem diversidade no cardápio do Boa Vista Junina 2017. | Foto: Igorh Martins


 
A novidade agradou não só os comerciantes, que têm dobrado o seu faturamento durante o arraial, mas também o público presente, que ganhou opções para variar o cardápio das comidas típicas de arraial. Márcia Cristina e Mariane Cruz aproveitaram para conhecer o sanduíche artesanal. “Este tipo de comida dentro do arraial é uma grande novidade e, no meu caso, que não gosto de nada de milho, tenho a oportunidade de comer coisas diferentes e que até então não havia provado”, destacou Márcia.
 
Leonardo Marques é proprietário do Conde Burger e participa pela primeira vez em um evento do tamanho do Boa Vista Junina. “Este é um passo importante para o profissional que trabalha diariamente com Food Truck. Aqui em Boa Vista somos poucos e, até então, não tínhamos nenhum tipo de apoio e incentivo. Este reconhecimento é importante e nos abre muitas portas”, ressaltou.
 
De acordo com Leonardo, o hambúrguer artesanal é diferente dos conhecidos fast foods (comida rápida) e isso exige um pouco mais de tempo de preparo. “Entendemos que um evento deste porte, cheio de opções de culinária, exige que o hambúrguer seja entregue o mais rápido possível. A procura tem sido grande e estamos focados em atender a demanda do arraial. Estamos sendo recompensados com a resposta positiva da população”, destacou.
 
Para atender a demanda, Leonardo precisou contratar três funcionários temporários, aliados aos 4 fixos que já possuía. O Boa Vista Junina 2017 gerou 700 empregos diretos e, até o sábado, 24, deve chegar ao número de 5 mil empregos indiretos. Segundo Enos Almeida, Superintendente de Cultura da Fetec, a área de comidas rápidas já é um sucesso. “As pessoas abraçaram esta novidade e isso nos faz acreditar que nos próximos anos a tendência é só melhorar”, ressaltou.
 
Nesse arraial tem pamonha? Tem sim, sinhô!
Mas quem gosta de se manter fiel as raízes e comer uma boa pamonha, canjica e mingau de milho também está no lugar certo! O Boa Vista Junina reúne os mais diferentes tipos de culinária e tem comida para todos os gostos. Além das comidas típicas provenientes do milho, a Praça de Alimentação do Boa Vista Junina serve diariamente espetinhos, carne de sol, paçoca com banana e os mais diversos tipos de bolos e doces.
 

Veja também

Top