Boa Vista, que em 2013 contava com apenas sete Unidades Básicas de Saúde funcionando precariamente, hoje tem 34, oferecendo os mais diversos serviços de saúde à população. Nos últimos anos, a prefeitura investiu na construção de novos postos de saúde, em reformas, ampliação e mudou o endereço de algumas unidades que funcionavam em prédios alugados com estrutura precária.

Mas os investimentos foram além de prédios novos e mobiliários. A modernização dos atendimentos chegou. Com a implantação do sistema de informática, que controla saída de medicamentos, gerou-se um banco de dados sobre os pacientes e se organizou os serviços com a distribuição de senhas tem garantido que os pacientes sejam atendidos de forma mais eficiente.

O sistema implantado nas UBS’s evita, por exemplo, o desperdício de medicamentos e controla a saída para que não falte nas farmácias. Também houve contratação de novos profissionais por meio de concursos e seletivos, treinamentos e integração.

Hoje os moradores dos bairros Aeroporto, Jóquei Clube, Tancredo Neves, Alvorada, Cauamé, Jardim Caranã e São Bento são beneficiados com os serviços dessas novas unidades, construídas do zero onde antes não havia cobertura.

O funcionário público aposentado, Gilvan Rosa dos Santos, 73, é morador do bairro Aeroporto há mais de 30 anos. Pernambucano chegou no início da formação do bairro e hoje é atendido na nova unidade Edna Diniz.

“Foi muito bom essa nova unidade, facilitou muito a vida de toda a minha família, pois antes precisávamos nos deslocar para outros bairros e sem garantia de atendimento. Hoje venho aqui e tenho acesso a consultas e medicamentos necessários, muito bom todo o acompanhamento médico que faço aqui”.

As unidades estão todas estruturadas, mobiliadas e com novos equipamentos e oferecem diversos serviços, como curativo, consultas médica e de enfermagem, vacinação, medicamentos que fazem parte da Relação Municipal de Medicamentos (REMUME), pré-natal e outros serviços.

Mayara Sousa, 29, também é uma das moradoras do bairro Aeroporto. Sempre leva seu sobrinho Cauã Gustavo, 14, para se consultar na unidade. Ela também está satisfeita por seu bairro ter sido agraciado com uma UBS bastante equipada, oferecendo os serviços de saúde a todos. 

“É muito tranquilo hoje para gente que vem em busca dos serviços. Moramos aqui próximo. Não precisamos vir de madrugada enfrentar filas. Marcamos as consultas com tranquilidade, pegamos os remédios. Antes tínhamos que ir na unidade do Mecejana e hoje não. Toda a família consulta aqui. Estamos muito satisfeitos”.

A UBS do bairro Aeroporto foi inaugurada em 2018 e está toda estruturada e equipada para receber a população tanto do bairro como das proximidades. Em média, acontecem lá cerca de 500 atendimentos por mês. Solange Maia Gomes da Silva é assistente administrativa há mais de cinco anos na prefeitura e inaugurou a nova unidade, além de ser antiga moradora do bairro.

“Como moradora do bairro me sinto confortável e satisfeita pois atendemos não somente o bairro, mas moradores de outras regiões também. Como profissional, nós temos equipamentos novos, ambientes modernos e confortáveis. Agradecemos a prefeita pela construção e acesso a saúde nessa nova estrutura”.

Cauamé – A unidade Dalmo Feitosa, no bairro Cauamé também foi construída do zero e inaugurada em 2018. Porém, nesse caso, o bairro já contava com uma unidade que funcionava em um prédio alugado. Hoje são, em média, cerca de 900 atendimentos por mês. Gabriela Santos, mãe de Isabela de nove meses mora no bairro União e vai consultar a pequena na UBS.

“Apesar de ter outras unidades disponíveis, sempre que venho aqui no Cauamé sou bem atendida. É bem rápido. Não tenho do que me queixar do atendimento, pois é muito bom”.

Outras – Além destas sete novas unidades construídas do zero, a prefeitura vem executando obras de reforma e revitalização em outras unidades. Já passaram por reformas até o momento as unidades dos bairros Centenário, Cidadão, Silvio Leite, Raiar do Sol, Senador H. Campos, Sayonara Dantas, também no Senador H. Campos e Cinturão Verde. No momento estão em reformas as unidades do Buritis e Cidade Satelite.

UBS’s têm garantido atendimento preventivo contra covid-19

As Unidades de Saúde de Boa Vista, que fazem parte da atenção básica, têm atendido mais de 2 mil pessoas diariamente. Em junho e julho deste ano, por exemplo, os postos de saúde fizeram mais de 100 mil atendimentos envolvendo covid e outras doenças. Também não tem faltado medicamentos, vacinas ou testes. Os usuários têm saído das unidades com todos os encaminhamentos necessários para garantir a estabilização da saúde. 

UBS´s novas construidas do zero:

UBS Arminda Gomes (2017) – no Jóquei Clube
UBS Edna Bezerra (2018) – no bairro Aeroporto
UBS Rubeldimar Maia (2018) – no São Bento
UBS Hélio Macêdo (2018) – no Jardim Caranã
UBS Tancredo Neves (2016)
UBS Dr. Dimitri Grandez (2017) – Alvorada – funcionava em um prédio alugado
UBS Dr. Dalmo Feitosa – Cauamé  (2018) – funcionava em um prédio alugado