Sede dos Correios: Os números incluem perdas potenciais com ações trabalhistas, tributárias e cíveis e se referem ao terceiro trimestre de 2018, último dado disponível

Empresas estatais como Petrobras, Eletrobrás, Correios, BNDES, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal correm o risco de perder mais de R$ 400 bilhões em processos que correm na Justiça ou administrativamente.

Desse total, R$ 71 bilhões são considerados perdas prováveis. Segundo “O Globo“, isso significa que esses valores são praticamente dados como perdidos e precisam ser provisionados (reservados) no balanço financeiro das empresas.

O restante equivale a perdas possíveis, com menor chance de se confirmar ou, se isso acontecer, com pressão sobre o caixa das estatais num prazo mais longo. Nesses casos, não há provisão nas demonstrações financeiras.

Os números incluem perdas potenciais com ações trabalhistas, tributárias e cíveis e se referem ao terceiro trimestre de 2018, último dado disponível.

Informações: Renova Mídia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here