Cresce número de acesso à internet nas praças de Boa Vista

Cresce número de acesso à internet nas praças de Boa Vista. | foto:  Igorh Martins

Provavelmente você já quis economizar créditos do celular usando internet wi-fi gratuita nas praças, certo? Esse hábito está cada vez mais comum em Boa Vista. De acordo com números da Prefeitura de Boa Vista, desde 2014, quando o projeto Boa Vista Online foi criado, o acesso à internet cresceu mais de 800%. Só na cidade, os moradores têm acesso gratuito em mais de dez espaços públicos de grande movimentação.

 
Um dos exemplos, é o acesso na Praça das Águas que foi o primeiro ponto disponibilizado para o uso da rede wi-fi, onde cerca de seis mil pessoas usaram a internet por mês em 2014. Agora a média mensal é de 50 mil. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Boa Vista está entre os 26% das cidades brasileiras que oferecem serviços de wi-fi gratuito.
 
Quando o projeto Boa Vista Online foi lançado, só haviam dois pontos de acesso com internet; o primeiro foi na Praça das Águas e o outro no Parque Germano Augusto Sampaio. Este ano, os lugares com wi-fi aumentaram para 13, entre praças, Centro Tecnológico e terminais de ônibus (ver lista abaixo).
 
Todo fim de tarde as irmãs Kelly e Rose Ferreira vão caminhar na Praça Mané Garrincha e acabam tirando um tempinho para mexer no celular, verificando as postagens nas redes sociais. “É muito bom ter acesso gratuito, porque quando acaba minha internet eu venho para cá e atualizo todas as minhas postagens”, concluiu a dona de casa, Kelly Ferreira de Morais.
 
Para a secretária de Inclusão Digital, Amanda Sanguanini, é uma satisfação possibilitar para toda a população, independentemente de sua classe social, o acesso à internet de alta qualidade e ainda em ambientes agradáveis como são nossas praças. “Com a grande aceitação da população aos acessos do wi-fi gratuito, nossa intenção é expandir os pontos para mais praças da capital, levando em consideração que Boa Vista está crescendo. Somos mais de 320 mil pessoas distribuídas entre os 57 bairros”, concluiu.
 
Segundo levantamento feito pela equipe de técnicos da Secretaria Municipal de Inclusão Digital, que faz toda manutenção do serviço wi-fi, os dispositivos mais utilizados para acessar a internet são os portáteis como celulares, notebooks e tablets.
 
O pintor, Sildreson Sousa Castro tem um filho de três anos e sempre aproveita as horas vagas para levá-lo para brincar na praça, e com a internet gratuita ele também acaba se divertindo. “Ah! Como a internet é muito boa, eu deixo meu filho brincando e fico aqui sentado baixando meus aplicativos e batendo papo nas redes sociais” ressaltou.
 
Projeto Boa Vista Online
Iniciou em 2014 e foi criado com o objetivo de promover a inclusão digital entre os boavistenses, dando acesso à internet gratuita para toda a população. Todos os pontos são oferecidos internet de ótima qualidade com alta velocidade para carregar vídeos, fotos e navegar nas redes sociais.
 
Pesquisa
Recentemente, foi divulgada uma pesquisa nacional de Acesso às Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC Domicílios 2015), onde mostra que o brasileiro passou a usar mais a internet pelo wi-fi do que pelo plano de dados das operadoras. Segundo a pesquisa, 74% da população acessou a internet pelo wi-fi em 2014, já em 2015 esse número aumentou para 87% em todo o Brasil.
 
Confira os pontos de acesso liberado à rede Wifi:
 
Praça das Águas
Praça do Complexo Esportivo Ayrton Senna
Praça Fábio Paracat
Praça Inácio Lopes de Magalhães, mais conhecida como a Praça dos Bambus
Praça Germano Augusto Sampaio
Praça da Bandeira
Praça do Asa Branca
Praça Mané Garrincha
Praça do Cidade Satélite
Praça do Mirandinha
Orla Taumanan
Terminal Urbano José Campanha Wanderley
Centro de Ciências, Tecnologia e Inovação (CCTI)
 
Foto: Igorh Martins

Veja também

Top