Coral de Libras: Dia Nacional do Surdo foi marcado por apresentações nas escolas municipais

Nesta terça-feira (26), a escola municipal Aquilino Mota Duarte realizou o Coral de Libras em homenagem ao Dia Nacional do portador de Deficiência Auditiva. Com luvas brancas os estudantes interpretaram as músicas Trem Bala e Raridade.

 
O Coral de Libras, formado pelos alunos da 5º ano D, aprenderam a letra das músicas que foram interpretadas em português e depois a turma aprendeu a versão em língua de sinais (libras). De acordo com a professora Joanéia Ribas, especialista em educação especial, a apresentação é o resultado de todos os trabalhos desenvolvidos com todos os alunos.
 

Coral de Libras: Dia Nacional do Surdo foi marcado por apresentações nas escolas municipais. | Foto: Eduardo Andrade


 
“O ensino de libra na sala de aula é muito importante para estabelecer a comunicação entre a pessoa ouvinte e a pessoa surda no ambiente escolar, contribuindo assim com a inclusão. E o trabalho com a música, por meio do coral de libra, garante um melhor aprendizado e a realização de momentos culturais como este”, explicou.
 
A rede municipal de ensino oferece vagas para alunos com necessidades especiais em todas as escolas do município, e garante a matrícula na escola municipal mais próxima de sua residência. Atualmente a rede municipal de ensino conta com 21 alunos portadores de deficiência auditiva matriculados.
 
Pra Nilva Patuci, gestora da escola Aquilino, o trabalho tem o objetivo de prover a inclusão de todos “Não é por que o aluno é deficiente auditivo que ele está fora, nós podemos nos comunicar através da língua brasileira dos sinais e o nosso coral está dizendo isto gora” afirmou.
 

Coral de Libras: Dia Nacional do Surdo foi marcado por apresentações nas escolas municipais. | Foto: Eduardo Andrade


 
Disse ainda que a modalidade de educação especial envolve toda comunidade. “Ao aprender a linguagem de sinal ele vai saber se comunicar com seu vizinho, na sua igreja, e está preparada para isso, inclusive, com a inclusão, todos aprendem a respeitar o diferente” acrescentou.
 
Além da Aquilino Mota Duarte aconteceram apresentações para lembrar o Dia Nacional do portador de Deficiência Auditiva. Momento cívico da Escola Municipal Arco-Iris, a gestora apresentou o hino nacional em Libras. Na Frei Artur Agostini, além de trabalhar o tema durante toda a semana com vídeos, desenhos, discussão, no momento cívico desta foi apresentado uma música em libras e distribuição de panfletos aos alunos e a comunidade presente.
 
Foto: Eduardo Andrade

Veja também

Top