A Prefeitura de Boa Vista promoveu nesta quinta-feira, 13, uma visita ao Campo Experimental 2020, localizado na Associação Elifas Levi Veloso Filho, no Polo I do PA Nova Amazônia. O objetivo foi apresentar a produtores, empresários e técnicos a produtividade das culturas implantadas: soja, milho, sorgo, e as novidades deste ano, algodão e girassol.

A área plantada de girassol tem chamado a atenção não apenas de produtores, mas de toda a população, devido à beleza. Diariamente, dezenas de pessoas visitam o local para fazer registros fotográficos.

O Campo Experimental de Boa Vista foi implantado em 2018, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Assuntos Indígenas, para a Agrofest – Festa da Agricultura Familiar, evento que, por conta da pandemia de coronavírus, não pode ocorrer este ano.

O objetivo do Campo Experimental é buscar informações acerca de variedades de cultivares com maior resistência às pragas e doenças e também sobre o aumento da produtividade.

Área plantada conta com soja, milho, sorgo, algodão e girassol

Guilherme Adjuto, secretário municipal de Agricultura, explicou que a ideia é fornecer essas informações ao pequeno, médio e grande agricultor, por meio de dados que serão apresentados na colheita da produção.

“O produtor vai ter uma ideia de qual material se adapta melhor às condições aqui do estado e também qual o mais produtivo. No final das contas, o que importa é produtividade para que o produtor consiga se manter na sua atividade. Então, a expectativa é muito boa e, em meados de setembro, já devemos ter os primeiros resultados dos cultivados que se destacam aqui no campo experimental”, disse.

O vice-prefeito Arthur Henrique Machado destacou o crescimento do campo experimental durante esses três anos. Hoje, a área de plantio é quatro vezes maior que no primeiro ano. Outro destaque foi para os parceiros da iniciativa privada que trazem suas sementes para fazer os experimentos no campo.

“O trabalho fundamental desse campo é garantir a ampliação da produtividade do produtor rural. A prefeitura tem investido fortemente na assistência técnica para os pequenos produtores do nosso estado e é visível o crescimento. Hoje, toda merenda do município é abastecida com produtos do pequeno agricultor aqui de Boa Vista. A produtividade deles cresceu muito. Tudo isso mostra o avanço que o município teve com trabalho, principalmente, com a criação da Secretaria de Agricultura”, destacou Arthur.

O número de cultivares em área de plantio foi ampliado este ano

No Campo Experimental 2020 foram plantados quatro cultivares de girassol, 40 cultivares de soja, quatro cultivares de algodão, 38 cultivares de milho, o dobro do ano anterior. Além de quatro hectares do milho ionizado, novidade em Boa Vista, e oito cultivares de sorgo – biomassa/silagem/graníferos.

“Desse campo experimental é de onde saem as melhores sementes, os técnicos que estão aqui estão ajudando a gente a plantar com qualidade, a produzir melhor, a ter uma qualidade de vida melhor no campo, na agricultura familiar. Coisa que a gente não teve no passado. E durante esses três anos que está tendo esse evento aqui, a prefeita tem nos dado um apoio grande. Aqui, antes, tínhamos um sonho, hoje é realidade. Acho que hoje não tem em Roraima coisa melhor do que o que está acontecendo aqui com a gente nos últimos anos”, disse o presidente da associação Elizoneto Cardoso.

O campo experimental conta com empresas parceiras

Os materiais utilizados no campo foram fornecidos por grandes empresas multinacionais do ramo de melhoramento genético de sementes, fertilizantes e insumos biológicos, que manifestaram interesse em testar a adaptabilidade destes materiais em Boa Vista. Ao final do experimento, haverá o compartilhamento das informações em um banco de dados consolidado.

Empresa parceiras:

  • MILHO = Pioneer, Forseed, Syngenta, Brevant, Morgan, Agriconseeds, LG, Dekalb
  • SOJA = Credenz, Soytech, Brasmax, FT, TMG, Monsoy, Syngenta, HO, Agro Norte, Embrapa
  • SORGO = Atlantida, Agriconseeds, Embrapa
  • GIRASSOL = Atlantida, Advanta,
  • ALGODÃO = TMG