Nicolás Maduro: “Vamos defender nossa pátria dos imperialistas, oligarcas e traidores” (Foto by Federico Parra / AFP)

Menos de uma semana depois de ter denunciado um suposto plano para derrubá-lo e assassiná-lo, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, fez novas declarações agressivas contra os Estados Unidos e os vizinhos Brasil e Colômbia. Alegando a defesa do território venezuelano, Maduro disse que a milícia do país agora tem 1,6 milhão de integrantes e vai “armá-los até os dentes”.

Maduro ainda afirmou que, no caso de uma invasão do inimigo “imperialista”, as tropas agressoras “não sairiam vivas” do território venezuelano. “Vamos defender nossa pátria dos imperialistas, oligarcas e traidores, estejam em Bogotá ou em Brasília”, insistiu Maduro, na noite de segunda-feira, 17, ao falar para voluntários integrantes de milícias em Caracas.

Informações: Exame

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here