Neste domingo, 19, mais de 8 mil candidatos farão o concurso da Guarda Civil Municipal de Boa Vista. A prova objetiva será aplicada das 9h às 12h30. Para atender a demanda, os ônibus do transporte coletivo circularão com 100% da frota e os táxis lotação funcionarão das 6h às 14h.

Quem ainda não verificou o local da prova pode entrar no site do Instituto Selecon e conferir o cartão de confirmação. O candidato deve entrar no site www.selecon.com.br e clicar no “Painel do Candidato” digitar CPF e data de nascimento.

O primeiro concurso do ano está com a concorrência de 168 candidatos por vaga. O certame está oferecendo um total de 50 vagas. Para conquistar uma das oportunidades é preciso se preparar, o que exige concentração e determinação dos candidatos.

Na busca por garantir a tão sonhada carreira e a estabilidade financeira, muitas pessoas têm se empenhado. Pedro Barbosa, de 20 anos, é um dos candidatos que concorrem a uma dessas vagas. Ele se inscreveu pela primeira vez em um concurso público e contou que um dos motivos que o levou a participar do certame foi a possibilidade de ter uma  carreira na área da segurança.

“Eu gosto porque tem carreira, é uma coisa estruturada e interessante, é uma área que eu gosto. Eu estou estudando, correndo, porque tem o teste físico também, mas eu estou focando mais na prova objetiva que é mais difícil, por causa da concorrência. Vou buscar, quero entrar nem que seja último”, disse.

O professor especialista em preparação para concursos públicos, Paulo Henrique Lira, explicou que a realidade local é um pouco diferente da realidade nacional. Ele ressaltou que a administração pública é a grande empregadora em Roraima e a Prefeitura de Boa Vista a que mais faz concursos.

“Nesse momento, o grande empregador é o município de Boa Vista. É ele que está realizando a maior quantidade de concursos públicos, então, é uma grande oportunidade para a população local achar seu emprego. Não só um emprego, mas um local com estabilidade, com pagamentos em dia, que te garante uma segurança”, ressaltou.

Especialista dá dicas de como se preparar e se sair bem no dia da prova

O professor Paulo Henrique destacou três principais pontos que o candidato deve levar em consideração no dia que antecede a prova.

1ª – Verificar documentação e material necessário para a prova, se está com documento separado, caneta da cor certa, tudo que precisa para fazer o concurso.

2ª – Importante conhecer antes o local onde vai fazer a prova, os acessos para esse lugar, se há interdições.

3ª – “Tem gente que prefere descansar, mas eu sempre falo assim ‘dá uma revisada, não custa’. A gente é muito intuitivo. Então, se puder dá uma revisada, uma lida, até para baixar um pouco a adrenalina. Principalmente no que vale mais, por exemplo, se você vai fazer o concurso para a Guarda, a legislação específica tem peso dois, dá uma revisada, porque é isso que vai fazer o candidato passar”, pontuou o professor.

Outras dicas: Chegar pelo menos uma hora antes do horário da prova, levar água e até um lanchinho para aliviar a tensão.