Geovane é um dos mais 700 jovens músicos beneficiados com a parceria entre o IBVM e a Prefeitura de Boa Vista, que fomenta o setor artístico da capital

Com apenas 14 anos e com muita vivência com a música erudita, o jovem violinista Geovane Lindoso Cutrin foi selecionado para participar do Festival de Música de Santa Catarina (Femusc 2019), que vai acontecer entre os dias 24 de janeiro a 02 de fevereiro em Jaraguá do Sul (SC). Ele, que compõe os projetos sociais do Instituto Boa Vista de Música em parceria com a Prefeitura de Boa Vista, será o único representante da região norte no evento.

Geovane se inscreveu no festival com mais três colegas do IBVM, mas apenas ele foi selecionado. Desde então, ele vem se preparando bastante para apresentar-se em conjunto e solo. Ao todo, mais de 300 músicos, de 22 países, estão na disputa, cujo prêmio será um certificado de reconhecimento internacional, além da participação dos concertos e oficinas.

Para a seleção, Geovane enviou um vídeo interpretando algumas músicas sugeridas pela organização. “No primeiro momento, eu me espantei. Fiquei alegre. Já fui pensando ‘tenho que estudar. Correr atrás’. Então, venho estudando muito para dar o meu melhor e representar o Estado”, disse o músico.

Assim como Geovani, os mais de 700 alunos do IBVM são frutos de uma parceria de sucesso com a. gestão da prefeita Teresa Surita, que tem contribuído com o fortalecimento do setor cultural e artístico da cidade. Ao todo, são seis projetos beneficiados através união: Orquestra de Câmara, Orquestra de Violões, Orquestra de Flautas, Orquestra Sinfônica Infantojuvenil, Banda Municipal e Banda Realce

A mãe de Geovane, Leidiene Lindoso Cutrin, é a maior incentivadora e apoiadora da carreira musical do filho. Segundo ela, desde cedo ele apresentou interesse pela música e, por conta disso, há sete anos matriculou ele nas atividades do IBVM, por acreditar que ele terá um grande futuro no campo das artes. Ela agradeceu pela parceria entre o instituto e a Prefeitura de Boa Vista, por fomentarem o crescimento cultural e artístico de muitas crianças.

“O IBVM foi muito importante para o início da carreira do Geovane, com apoio dessa parceria com a nossa prefeita Teresa Surita. Eu sou muito grata porque ele recebe uma bolsa, muito importante para a manutenção do seu instrumento, ainda mais agora em que ele vai representar Boa Vista e o Estado de Roraima. Essa parceria é muito importante continuar”, disse ela.

A mãe de Geovani é uma das principais incentivadoras do jovem músico

Programação – O Femusc 2019 vai contar com execução de obras como ‘Sheherazade’, de Nikolai Korsakov, e ‘Don Juan’, de Johann Strauss, ambas com a Orquestra Sinfônica do Femusc regida pelo maestro Gregory Carreño. Também fazem parte da agenda duas óperas: ‘Suor Angélica’, de Giacomo Puccini, e ‘Os sete pecados capitais’, de Kurt Weill. Cada uma terá a própria orquestra, que junto dos cantores e equipe técnica, é responsável pela montagem em tempo recorde dos espetáculos.

Além disso, o Femusc vai contar com apresentações para as famílias, nas manhãs de sábado, e concertos diários de música de câmara. Outras atrações incluem concertos sociais em palcos alternativos, como hospitais, asilo, shopping e cartões-postais da cidade. A programação completa já pode ser conferida no site do Femusc.