O veículo foi levado para o pátio do 3° DP para ser restituído ao proprietário (Foto: Aldenio Soares)

O proprietário de um carro de luxo, modelo Toyota/Hilux, SW4, foi alvo de uma ação criminosa que tem características de ser uma emboscada. Na noite dessa terça, dia 15, ele marcou encontro com duas jovens e combinou de buscá-las em um endereço que fica no bairro Cidade Satélite, mas o planejamento foi interrompido. A intenção era levar as garotas para um jantar.

Segundo as informações do sobrinho da vítima, quando se aproximou do local onde as jovens estavam, por volta das 20h30, o tio não avistou nenhum suspeito. “Só elas estavam na rua, mas quando ele chegou, que elas abriram as portas, dois morenos, altos e magros entraram junto e estavam armados. Eles renderam meu tio, colocando a arma na cabeça dele e rodaram uns 100 metros. Meu tio conseguiu abrir a porta e correu com o carro ainda em movimento. Um dos elementos tentou obrigar as meninas a dirigir, mas elas não sabiam e um deles assumiu o volante. O carro ainda bateu no cercado de uma casa e quebrou a lanterna de farol do lado direito”, detalhou o rapaz.

Os dois elementos e as duas jovens seguiram em direção ao loteamento João de Barro, onde elas foram liberadas e os indivíduos deram continuidade à fuga. “A Polícia foi acionada, conversou com elas, mas elas entraram em contradição. A mãe da garota de 17 anos contou que a filha não é flor que se cheire. As meninas negaram com todas as forças que era uma emboscada. Elas prestaram depoimento na Delegacia, mas depois foram liberadas. Meu tio registrou o B.O [Boletim de Ocorrência] no 3° DP”, acrescentou o sobrinho da vítima.

Apesar do susto, o dono do automóvel não ficou ferido e passa bem. A Polícia iniciou o processo de investigação sobre os fatos.

Em horário próximo ao meio dia dessa quarta-feira, 16, o carro foi encontrado às margens da RR-205, cerca de 10 km da Capital, abandonado e com a frente parcialmente destruída. Os policiais fizeram a remoção do automóvel até o 3° DP, onde o B.O foi registrado. O proprietário compareceu à Delegacia com a documentação necessária para fazer restituição de seu veículo. Ninguém foi preso até o fim da tarde de ontem.

Informações: Folha de Boa Vista

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here