Uma equipe com oito médicos especialistas chineses desembarcou na Venezuela, nesta segunda-feira (30), para atuar no combate ao coronavírus no país. Até hoje, o governo bolivariano registrou 129 casos confirmados da Covid-19 e três mortes pela doença.

Eles são especialistas em doenças infectocontagiosas, intensivas e medicina tradicional chinesa. Os profissionais foram recebidos no Aeroporto Internacional Simón Bolívar, em La Guaira, estado venezuelano, pelo chanceler Jorge Arreaza.

“Reitero nosso agradecimento ao presidente Xi Jinping e ao povo chinês, por estarmos juntos nesta luta pela saúde”, escreveu o presidente Nicolás Maduro. A China foi o primeiro país a registrar casos da doença.

Além dos médicos, a China enviou um carregamento de 55 toneladas de insumos para auxiliar no combate à propagação da pandemia. São máscaras, roupas de proteção, respiradores, termômetros, equipamentos de ultrassom e cloroquina (substância usada no tratamento da doença, ainda em fase de teste).

Rússia e Cuba também enviaram doações à Venezuela na semana passada. O governo não detalhou quais foram os tipos de materiais recebidos.

Informações: Roraima em Tempo – Foto: Divulgação/Twitter