A Prefeitura de Boa Vista, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou o primeiro Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa) deste ano. O município apresentou indicador de 1,1%, classificado em médio risco para transmissão de dengue, zika e chikungunya. O número teve uma queda em relação ao último levantamento que foi de 3,4%.

As equipes de combate a endemias visitaram 6.530 imóveis, distribuídos em 54 bairros da capital. Destes, 72 imóveis apresentaram larvas do Aedes aegypti. Foram encontrados criadouros em vasos, bebedouros, barris, lixos como garrafas e latas, calhas, cacos de vidro de muro, piscinas não tratadas, pneus e outros.

“O LIRAa serve para nortear as ações que serão realizadas no combate ao mosquito. Mesmo com médio risco, não baixamos a guarda, intensificando as ações para combater esse terrível mosquito. Pedimos à população que se mantenha também sempre em alerta, eliminando os possíveis criadouros do mosquito e recebendo os agentes de endemias nas residências”, alertou Samuel Garça, coordenador do Núcleo de Doenças Transmitidas por Vetores.

As coletas são feitas a cada 45 dias. Cambará foi o único bairro classificado como de alto risco, outros 24 bairros com médio risco, são eles: 13 de Setembro, Aparecida, Nova Cidade, Laura Moreira, União, São Vicente, Raiar do Sol, Distrito Industrial, São Francisco, Cauamé, São Bento, Liberdade, Senador Hélio Campos, Asa Branca, Jóquei Clube, Santa Tereza, Drº Silvio Leite, Bela Vista, Jardim Primavera, Pintolândia, Pricumã, B. Dos Estados, Alvorada e Aeroporto. Os demais bairros visitados foram classificados de baixo risco.

Ações – Todos os anos, a Prefeitura de Boa Vista intensifica as ações de combate ao Aedes aegypti. Durante as visitas, além da orientação fornecida, quando há necessidade, os agentes de endemias aplicam larvicida nos criadouros.

Casos de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti em 2020

Dengue:

100 confirmados

Zika:

Até o momento não houve confirmação pra Zika vírus

Chikungunya:

Até o momento não houve confirmação pra Chikungunya

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here