Teresa anuncia credenciamento de 200 artistas para shows on-line

A prefeita de Boa Vista, Teresa Surita, anunciou neste sábado, 18, abertura de edital para credenciamento de 200 bandas e ou artistas das artes musicais, cênicas, visuais e literatura, como forma de garantir a renda dos profissionais em tempos de pandemia. A intenção é promover shows on-line, por meio do Festival Boa Vista Live do Bem.

Ao todo, serão selecionadas 150 bandas ou artistas musicais; 26 para artes cênicas; 17 para artes visuais e 7 para literatura. Os cachês variam de R$ 1 mil a R$ 1,7 mil, conforme regras estabelecidas em edital. Os shows ao vivo, por exemplo, terão duração de 90 a 120 minutos e acontecerão em local disponibilizado pela prefeitura.

“Por conta do coronavírus, as apresentações culturais presenciais foram suspensas na cidade. Para minimizar o impacto financeiro dessa medida no setor cultural, entre a família dos artistas e as pessoas que vivem de show, a Fetec lançou um edital que prevê apresentações on-line. O objetivo é contribuir com a geração de renda desses músicos e artistas no geral. Sim, teremos live!”, anunciou a prefeita Teresa Surita.

Inscrições

As inscrições ficarão abertas por cinco dias consecutivos para bandas e ou artista da área musical, na modalidade Live, e 10 dias para os demais projetos, na modalidade vídeo gravado. O recebimento das propostas acontecerá a partir deste sábado, 18. O edital tem vigência de três meses, podendo ser prorrogado por igual período.

Os interessados deverão acessar o site www.boavista.rr.gov.br na aba de editais, baixar de forma gratuita o formulário e seus anexos, preencher todos os campos solicitados e encaminhá-los em formato digital no email: [email protected], da Fundação de Educação, Turismo, Esporte e Cultura de Boa Vista – FETEC, com as documentações exigidas no edital.

Festival Boa Vista Live do Bem

Os shows do Festival Boa Vista Live do Bem serão transmitidos on-line, por meio dos canais digitais da Prefeitura de Boa Vista. As apresentações ao vivo dos artistas estarão alinhadas à campanha solidária de arrecadação de alimentos, que começa na próxima segunda-feira, 20. Durante os shows, os artistas ajudarão na divulgação as empresas que doarem para a campanha.

O edital e o festival visam ajudar no desenvolvimento da economia criativa, incentivo, valorização e difusão das manifestações culturais e artísticas, contribuindo para a geração de renda aos artistas roraimenses ou residentes na capital e oportunizarão o acesso da população às atividades artísticas e culturais durante a pandemia.