Os leitos de UTI do Hospital Geral de Roraima (HRG) passaram a ser destinados somente à pacientes com Covid-19, informou o Secretário de Saúde (Sesau), Marcelo Lopes, na tarde deste domingo (14).

Antes, o HGR tinha 33 leitos de UTIs para infectados com coronavírus. Com a mudança, o número deve aumentar para 43.

De acordo com o Lopes, os serviços do pronto atendimento Airton Rocha, por onde chegam pacientes de urgência e emergência, e as cirurgias de emergência seguem sendo realizadas dentro do HGR. No entanto, pacientes sem coronavírus que necessitem de UTI ou leitos de enfermaria serão transferidos para o Hospital das Clínicas, na zona Oeste da capital.

“Já montamos 10 leitos de UTI para pacientes ‘não Covid’ lá [no Hospital das Clínicas]. Já os pacientes de Covid-19 estão sendo isolados em outro bloco, fazendo entradas diferentes”, afirmou o Secretário ao G1.

O HGR, único hospital público do estado e que atende casos graves de infectados pelo coronavírus, atua acima da capacidade de atendimento.

Até esse sábado (13), havia 138 leitos para a Covid-19, incluindo os de UTI, e 193 pacientes internados. Devido à superlotação, o governador Antonio Denarium (sem partido) anunciou a transferência de pacientes infectados para o Amazonas.

Informações: G1 Roraima – Foto: Nilzete Franco